Greenpeace: Pronunciações específicas quanto ao caso

Greenpeace- Ativistas continuam presos.
 Acabei de ser informado diretamente pelo Greenpeace que a fiança de Ana Paula foi negada. Para os poucos que não estão cientes do acontecido, o nosso blog como meio ciberativista do Greenpeace vem divulgando meios para a libertação dos militantes, esta é a nossa segunda pronunciação. Espero que leia e entenda do começo ao fim.







Resumo do acontecido até agora:


Entrar em contato com o Greenpeace sempre se mostrou ser algo simples, a ONG sempre se manteve tocável dentro de todos os aspectos.

Quando entrei em contato com o Greenpeace pela primeira vez solicitando complementos para uma possível futura postagem, assim que tinha acabado de escrever o artigo Greenpeace e pirataria: nosso apoio e nossa polêmica, deixei claro que entenderia caso decidissem não se pronunciar e descrever quanto ao acontecido em detalhes já que as visões individuais dos ativistas poderiam ser diferentes e isso geraria mais confusão. Ainda assim, a resposta foi clara e objetiva, já haviam divulgado em seu website todas as informações para acompanhamento do caso. 

Para mantermos em contexto:

Troca de e-mails com o Greenpeace:




Eu,
Já realizei um post em meu blog tentando manter as mentes abertas quanto ao acontecido, apresentei o ponto de vista do Greenpeace e as supostas soluções e prevenções para o ocorrido. 

Contudo, com a polêmica quanto as "drogas" que estou ciente que (segundo o Greenpeace) eram medicamentos, gostaria de uma pronunciação específica da ONG para o caso de serem necessárias atualizações em forma de um segundo post.

Além disto, para manter os meus leitores a par do acontecido, gostaria de um relato geral sobre o acontecido do ponto de vista do Greenpeace. Quanto a abordagem realizada e os meios de tais. Coloco aqui também além do meu desejo de passar o máximo e informações aos leitores, o meu respeito pessoal pelo Greenpeace, e caso estas informações tenham a capacidade de colocar mais "fogo" ainda na situação, peço que deixem a seu critério o envio destas. (Quanto ao relato geral e quanto a abordagem)

Desejo a Ana Paula e aos demais toda a sorte possível.

Grato, Edson


A resposta foi dada em um curto prazo de tempo, com todas as questões respondidas adequadamente:

"Oi, Edson, tudo bem?

Muito obrigado pelo apoio. Vou te mandar link a link sobre os nossos posicionamentos:

Resposta a acusação de pirataria: 

Recapitulando tudo o que aconteceu: 

Sempre que há novas informações postamos em nosso site, você pode conferir aqui:


Abraços"


Por favor, confiram os links... o pronunciamento do Greenpeace sempre foi claro. O mesmo, ainda mantém a posição em afirmar que a acusação de vandalismo não é válida, já que afinal de contas, estes iriam estender uma faixa, e isto não é vandalismo.